Fusos Horários do Brasil

Em 1884, 25 países se reuniram em Washington e estabeleceram uma divisão do Globo Terrestre em 24 fusos com a diferença de uma hora/cada, baseando-se no Movimento Rotacional da Terra que demora cerca de 24 horas para se completar.

O meridiano de Greenwich (GMT), sudeste de Londres, com latitude zero é o marco inicial da divisão. A cada 15º para leste ou oeste, altera-se em uma hora o horário em relação a Greenwich. Para oeste diminui-se uma hora e para leste acrescenta-se uma hora.

Fusos horários no mundoComo pode-se notar, os 24 fusos horários não seguem obrigatoriamente as linhas dos meridianos. Eles respeitam, na sua maioria, fronteiras entre nações e estados dentro dos países.Como pode-se notar, os 24 fusos horários não seguem obrigatoriamente as linhas dos meridianos. Eles respeitam, na sua maioria, fronteiras entre nações e estados dentro dos países.

Com uma área leste-oeste de 4.319,4km², o Brasil abrange quatro fuso horários diferentes, com 30º oeste, 45º oeste, 60º oeste e 75º oeste, ou seja, de duas a cinco horas a menos que Greenwich.

Fusos horários brasileirosO mapa mostra a configuração atual dos fusos horários brasileiros, com exceção de alguns arquipélagos, que estão há -2 em relação ao Meridiano de Greenwich.O mapa mostra a configuração atual dos fusos horários brasileiros, com exceção de alguns arquipélagos, que estão há -2 em relação ao Meridiano de Greenwich.

Em 24 de abril de 2008, o então presidente Luís Inácio Lula da Silva, promulgou uma lei que diminui um fuso horário do território brasileiro, desse modo todo o território amazônico e acriano fica à uma hora do horário oficial brasileiro, o de Brasília, sendo que em algumas partes desses estados anteriormente a diferença era de até duas horas. Além disso, o estado do Pará que continha dois fusos diversos no seu território, passou a conter um fuso homogêneo.

Dessa maneira, os estados de Roraima, Rondônia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul. Amazonas e Acre estão uma hora a menos do horário oficial brasileiro, que engloba: Goiás, Distrito Federal, Tocantins, Pará, Amapá, Maranhão, Ceará, Rio Grande do Norte, Piauí, Bahia, Pernambuco, Paraíba, Alagoas, Sergipe, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. A Ilha de Fernando de Noronha, apesar de pertencer ao estado de Pernambuco, possui um fuso horário próprio, com uma hora a mais do que o oficial.

Horário de verão no Brasil

Além dos fusos internos, o Brasil contém mais um elemento que altera seu horário em relação a Greenwich, se trata do horário de verão. Durante o dia 21 de outubro e 17 de fevereiro é adicionado uma hora aos fusos horários do Distrito Federal e dos seguintes estados brasileiros: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins e Bahia. Esse procedimento ocorre durante uma época do ano na qual os dias são mais longos do que a noite, assim busca diminuir o consumo de energia elétrica durante o período.

Bibliografia
  • SANTOS, Alexandre Rosa. “Fotogrametria e Fotointerpretação: Aplicações Práticas e Teóricas”, UFES, 2007.
Crédito da iamgem

Gustavo Couceiro

Ciências Sociais - Unicamp

Confira também