Adjunto Adverbial

O adjunto adverbial modifica o sentido do verbo, adjetivo ou advérbio, dando a ele circunstâncias de tempo, modo, lugar, intensidade, causa, fim, dúvida, etc. Os tipos mais comuns são:

Causa

O menino pulava de alegria.

A palavra "alegria" vem para modificar o sentido de "pulava", fazendo com que a ação ganhe uma causa. Não é só "pulava" e sim "pulava porque estava alegre".

Dúvida

Talvez não vá ao colégio amanhã.

"Talvez" vem para modificar o sentido do verbo ir, fazendo com que a ação torne-se duvidosa. Por um determinado motivo, pode ser que não vá ao colégio.

Intensidade

Quero muito este livro.

Completando o sentido de "querer", o ‘muito’ dá mais intensidade a ação, tornando-a um desejo forte.

Lugar

Sonho em morar na praia.

A "praia" vem não só para modificar, mas também para especificar o desejo de "morar" lá.

Modo

Tomei café da manhã às pressas.

O ato de tomar café modifica-se com este adjunto, que torna a atividade do sujeito apressada.

Negação

Ela não irá ao colégio

A negação modifica a ação anulando-a: o adjunto adverbial não anuncia que a ida ao colégio do sujeito foi anulada.

Afirmação

Certamente nós iremos.

Ao contrário da negação, aqui o adjunto confirma a ação.

Tempo

Nesta noite fará muito frio.

O adjunto, neste caso, vem para dar a noção do tempo em que a ação ocorre.

Instrumento

Atingiu-a com uma bola.

Aqui o adjunto especifica com qual objeto a ação se deu.

Exercícios de Adjunto Adverbial

(FEI-SP/Adaptada) Classifique os adjuntos adverbiais negritados de acordo com o seu tipo.

  • Segunda-feira haverá um jogo importante. [tempo|lugar|modo|causa]
  • Com o mau tempo não podemos trabalhar ao relento. [causa|tempo|lugar|modo]
  • O livro foi acolhido com entusiasmo pelos leitores. [modo|causa|tempo|lugar]
  • O automóvel parou perto do rio. [lugar|modo|causa|tempo]

(FUVEST)

A triste verdade é que passei as férias no calçadão do Leblon, nos intervalos do novo livro que venho penosamente perpetrando.

Estou ficando cobra em calçadão, embora deva confessar que o meu momento calçadônico mais alegre é quando, já no caminho de volta, vislumbro o letreiro do hotel que marca a esquina da rua onde finalmente terminarei o programa-saúde do dia. Sou, digamos, um caminhante resignado. Depois dos 50, a gente fica igual a carro usado, todo dia tem uma coisa dando errado, é a suspensão, é a embreagem, é o radiador, é o contraplano do rolabrequim, é o contrafarto do mesocárdio epidítico, a falta de serotorpina folimolecular, é o que mecânicos e médicos disseram. Aí, para conseguir ir segurando a barra, vou acatando os conselhos.

Andar é bom para mim, digo sem muita convicção a meus entediados botões, é bom para todos.

(João Ubaldo Ribeiro, O Estado de S. Paulo, 06/08/95)

No trecho em destaque, o adjunto adverbial aí será corretamente substituído, de acordo com seu sentido no texto, por:

  • Nesse lugar.
  • Nesse instante.
  • Contudo.
  • Em conseqüência. x
  • Ao contrário.
Bibliografia
  • CEGALLA, Domingos Paschoal. Nova minigramática da língua portuguesa. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2005.
  • CEREJA, William Roberto; MAGALHÃES, Thereza Cochar. Português: linguagens – vol 2. 5.ed. São Paulo: Atual, 2000.
  • CIPRO NETO, Pasquale ; INFANTE, Ulisses. Gramática da língua portuguesa. São Paulo; Scipcione, 2008.
  • FERREIRA, Mauro. Aprender e praticar gramática. Ed renovada. São Paulo: FTD, 2007.

Ana Gabriela Figueiredo Perez

Estudos Literários - Unicamp

Confira também